Pesquisas põem Kassab em dificuldade

| |


Empacado em terceiro lugar nas pesquisas de intenção de voto na eleição para a prefeitura paulistana, bem distante da petista Marta Suplicy e do tucano Geraldo Alckmin, e ainda com índices de rejeição crescendo, o prefeito Gilberto Kassab, do DEM, vai logo, logo ter dificuldade na sua campanha de reeleição. Se não começar a oscilar para cima nas próximas pesquisas, Kassab corre sérios riscos de terminar o primeiro turno bem longe de seus dois principais adversários.

A tendência do voto útil pode se delinear mais rápido do que se imagina. E nesse caso será fatal. O eleitor que rejeita Marta Suplicy e teria a intenção de reeleger Gilberto Kassab, se perceber que ele não tem fôlego para derrotar a petista, tenderá para Geraldo Alckmin. Se ficar com a imagem de quem não ameaça ninguém, perderá espaço para o voto útil, que normalmente vai para o melhor colocado na corrida eleitoral.

Embora conte com o maior tempo no programa eleitoral obrigatório da televisão, isso não significa que Gilberto Kassab dará um salto nas pesquisas depois do dia 19 de agosto, quando se iniciará a lenga-lenga na TV. Ele vai ter que mostrar muito mais do que bomocismo. Caso contrário, o Cidade Limpa será derrotado pelo trânsito encruado e o prefeito ficará sem bandeira para disputar essa que é a eleição mais difícil das capitais brasileiras.

0 Opinaram:

Postar um comentário