Barrada na manifestação

| |


O movimento pela Linha 4 do metrô – que ligaria a Zona Sul à Barra da Tijuca – organizado por associações da Barra, criou um constrangimento para a candidata Solange Amaral (DEM), ontem na orla do bairro. A chegada da deputada, junto com seus cerca de 60 correligionários, causou revolta entre os organizadores da manifestação, que não tinha vínculos políticos, pelo menos assumidos.

Solange chegou acompanhada do subprefeito da Barra, André Duarte, e do candidato a vereador Carlo Caiado. Todos eles seguravam pequenas placas que diziam "Sim, nós podemos", acompanhadas de promessas como a consttrução da Linha 4, do Túnel da Grota Funda, além da despoluição das lagoas locais.

Em determinado momento, dirigentes da Acibarra criticaram a candidata por fazer a campanha em meio ao movimento dos moradores. Com isso, Solange chamou sua equipe e gravou uma mensagem para seu programa eleitoral de TV em que garantia o cumprimento de suas promessas.

– Os moradores podem ficar tranqüilos. Vou fazer a Linha 4 do metrô e os demais projetos prometidos – garantiu.

A revolta dos moradores se deve ao fato de o prefeito Cesar Maia, do partido da candidata, ter desistido das obras do metrô após anunciar, em 2004, que tiraria do papel o projeto. Um convênio chegou a ser firmado, mas, em 2005, o prefeito alegou divergências na forma de pagamento da obra aos fornecedores e abandonou o projeto.

– Me sinto ultrajada por esses políticos profissionais, que aparecem para tirar casquinha de uma necessidade legítima dos moradores. Sou uma mulher escolarizada e não aceito essas atitudes baixas e deselegantes – revoltou-se a moradora Elizabeth de Albuquerque, 56 anos, que faz parte da Associação Amigos do Jardim Oceânico.

O candidato a vereador Carlo Caiado (DEM) prometeu, porém, que irá lutar pelo diálogo entre a prefeitura e o governo estadual para dar inícios às obras do metrô.

– Se eleito, é isso que eu posso fazer. Também vou lutar pela abertura de alguns trechos das avenidas Dulcídio Cardoso e Via Parque – prometeu.

0 Opinaram:

Postar um comentário