PCS de PMs e Bombeiros já está nas mãos de Lula

| |


O texto entregue pelo GDF ao Governo Federal, responsável pelo custeio da área de segurança, instituir a gratificação por risco de morte, o documento prevê a promoção de 6.595 policiais militares ainda este ano, a exigência de curso superior para ingresso na corporação e estabelece critérios para a ascensão profissional com base, principalmente, no tempo de serviço. A proposta estabelece que a partir deste ano, policiais e bombeiros militares passam a receber R$ 250 mensais a título de gratificação por risco. A cada ano serão adicionais R$ 150 mensais até que se atinja o patamar de R$ 1 mil, por mês, estabelecido no Plano de Cargos e Salários. Depois de alcançado este limite o valor será definitivamente incorporado ao salário do policial.


No intuito de dirimir dúvidas e preocupações dos policiais militares e bombeiros do Distrito Federal sobre o andamento do processo do plano de cargos e salários da categoria, o comando da Polícia Militar divulgou um novo boletim de acompanhamento da matéria e informa que o PCS não está parado. A proposta de medida provisória que estava no Ministério do Planejamento, após sofrer algumas alterações, foi encaminhada à Presidência da República onde será submetida à apreciação do presidente Luiz Inácio Lula da Silva e, posteriormente, encaminhada ao Congresso Nacional. As mudanças foram feitas no capítulo que trata da organização da corporação.


Ìmpacto de R$ 2,5 bilhões


Segundo os cálculos do GDF, o impacto será de 3% na folha de pagamento, atualmente estimada em R$ 2,5 bilhões. Além disso, o novo PCS define que os quadros de oficiais e de praças serão regidos pelos mesmos princípios, critérios de promoções, prazos, interstícios e proporcionalidade. Também cria um incentivo à permanência no serviço ativo após a transferência para a reserva, mediante adicional de soldo pró-labore, incorporado em cinco anos na proporção de um quinto por ano. Esses policiais exercerão atividades de polícia comunitária, formação e capacitação, visando o aproveitamento da experiência profissional.

2 Opinaram:

Anônimo disse...

E os aprovados no último concurso serão chamados?

Anônimo disse...

Serão chamados sim...
CHAMADOS DE BURRO...

Postar um comentário