Nosso dinheiro indo pelo ralo

| |

Como parte de uma inédita campanha publicitária que vai custar até R$ 17 milhões ao ano, a Câmara Municipal pretende lançar em abril um novo site - o segundo - para tornar “mais ágil” o acesso a informações sobre o Legislativo paulistano, como a tramitação de projetos de lei nas comissões permanentes, os gastos com a verba de gabinete e a relação de presença dos vereadores em plenário.

A ideia foi revelada pelo 1º vice-presidente da Casa, Dalton Silvano (PSDB), que se autointitula “piloto” do projeto. O site, diz ele, será um “instrumento” complementar às campanhas publicitárias que serão veiculadas na mídia e nos veículos de imprensa para divulgar as atividades parlamentares. As peças serão feitas pela agência Contexto Propaganda, que deve assinar contrato com a Câmara nos próximos dias.

“Vamos ter um site específico de acesso para facilitar a informação sobre tudo o que acontece na Casa. Por exemplo, vamos informar na TV, no rádio, nos jornais as leis aprovadas na Câmara e seus reflexos, convocar as pessoas a fiscalizar o vereador, a acompanhar as comissões permanentes e as CPIs e, no fim, vamos colocar: ‘mais informações no site tal’. Lá, ele (cidadão) vai ter todas as explicações”, descreveu Silvano.

O novo portal, cujo endereço deve ser www.camarainforma.sp.gov.br, será abastecido pelo Departamento de Comunicação Externa da Casa, criado no fim de 2009 por Silvano e dirigido pelo publicitário Emílio Ivo, ex-chefe de gabinete do tucano. “Desde que criamos o departamento estamos fazendo esse planejamento. É uma equipe de cinco pessoas que está compilando todas as informações para depois fazer o link com a agência”, disse Silvano.

Segundo o tucano, a proposta é suprir o que ele considera uma carência de notícias sobre os trabalhos da Câmara. “Em nenhuma hipótese vamos fazer promoção de vereador. Queremos divulgar para que as pessoas entrem no site e saibam quais são e onde encontrar todos serviços disponíveis na cidade.”

0 Opinaram:

Postar um comentário