Novelista do SBT acusa a Globo de plágio

| |


Bas-fond no mundo das novelas. Letícia Dornelles, que assina "Amigas e Rivais", no SBT, está acusando Walcyr Carrasco, autor de "Sete Pecados" (Globo), de plagiar expressões e temáticas de sua novela.
Segundo Letícia, a novela das sete "tem bordões e situações muito parecidas" com as de "Amigas e Rivais". "Chegam a incomodar de tão parecidas."
Letícia afirma que Walcyr copiou dela o bordão "modéstia à parte, eu sou perigosa" e as variantes que terminam em "eu sou brilhante", "deslumbrante" e "o máximo". Ela diz que essas expressões são a marca de sua vilã Rosana Delaor (Talita de Castro). Em "Sete Pecados", apareceram na boca de Claudia Raia, que fazia a vilã Ágatha.
"A referida vilã [Ágatha] deve ser fã de Rosana. É uma ‘homenagem’", ironiza Letícia, que diz também ter sido "plagiada" pela Globo em uma trama envolvendo criança com Aids.

Carrasco esnoba a "colega". "Não assisto a ‘Amigas e Rivais’. Não tenho a menor idéia do que acontece nessa novela." Ele afirma que ninguém pode ser acusado de plágio por usar palavras e expressões que fazem parte do vocabulário moderno.
"Quanto a personagens soropositivos, se há acusação de plágio, sinto muito. O plágio será de ‘Amigas e Rivais’. Eu sou autor do livro ‘A Corrente da Vida’, lançado há 14 anos, que aborda justamente uma escola onde um personagem, no caso um garoto, tem Aids", diz.

1 Opinaram:

Anônimo disse...

Ela é muito bonita mais é falsa porque não ganhou o 1 milhão .

Postar um comentário