A campanha é a dos outros

| |


As grandes disputas municipais deste ano terão um fator curioso. Serão as campanhas dos outros, em que o papel do candidato é secundário. Prova disso são as articulações que saem aos holofotes, numa desenfreada corrida pela fama bem antes da hora. Ontem, a deputada federal Solange Amaral (DEM-RJ) avisou: lança a sua candidatura dia 4 de abril, no Rio, numa festa popular. As estrelas? Gilberto Kassab, prefeito de São Paulo, e ACM Neto, candidato em Salvador. O governador do Distrito Federal, José Roberto Arruda, deve aparecer.

Chico Alencar (PSOL) apostará na estrela de Heloísa Helena, presidente do partido que teve uma boa fatura de votos no Rio nas eleições de 2006. Fernando Gabeira (PV) terá no palanque os tucanos José Serra, Aécio Neves e Fernando Henrique Cardoso, ao passo que, do outro lado, Marcelo Crivella (PRB) deve receber o presidente Lula e o governador Sérgio Cabral (PMDB), dois bons puxadores de votos.

Surpreende é a ministra do Turismo, Marta Suplicy, candidata em São Paulo. Já faz campanha. Insiste para o presidente Lula aparecer com ela no Guarujá, ou em Santos - como ele bem quiser - para o lançamento do programa Tarifa Melhor Idade na Hotelaria, em abril. Lula não sabe ainda o que é. E não importa o dia. O fundamental é que ele vá.

0 Opinaram:

Postar um comentário