Ex-tucano

| |

A agência britânica Reuters produziu ontem uma longa reportagem, ouvindo de Delcídio Amaral, "senador petista e ex-diretor da Petrobras no governo FHC", aos deputados Eduardo Cunha (PMDB) e Luiz Paulo Velloso Lucas (PSDB), para registrar suposta "resistência" no Congresso às novas normas de concessão para os campos da camada pré-sal localizada pela Petrobras.A agência argumenta com a "forte crise" no Senado, a falta de "apoio 100% de seus aliados" e o "conflito de interesses" para dizer que a discussão "deve" ser concluída em 2011, sem Lula como presidente.

1 Opinaram:

Anônimo disse...

GOL ABERTO E O PT NÃO CHUTOU

Por Jorge - no Blog do Nassif

o PT bobeou nessa crise. Devia ter apresentado um projeto global de reforma do Senado.

Fico espantado com o declínio da capacidade analítica dos parlamentares petistas e mesmo de prefeitos e governadores.

A geração dos anos 1990 era muito mais arguta e pró ativa. O poder emburrece.

Postar um comentário