Deputado que guardou dinheiro na meia e na cueca reassume e conduzirá processo de Arruda

| |

O deputado distrital Leonardo Prudente (ex-DEM, sem partido), flagrado colocando dinheiro em suas meias, voltou à Presidência da Câmara do DF. O vídeo com a cena foi filmado por Durval Barbosa, ex-secretário de Relações Institucionais do governo José Roberto Arruda (sem partido), durante a Operação Caixa de Pandora, que investiga pagamento de propina a parlamentares da base aliada.

Com isso, Prudente estará à frente da análise de pedidos de impeachment do governador e das investigações contra outros deputados distritais suspeitos de participação no esquema.

Prudente estava licenciado da Presidência da Câmara desde o dia 1º de dezembro, logo após as primeiras denúncias estourarem.

Ele afirmou à época que o dinheiro mostrado no vídeo seria usado na sua campanha. "Fui vítima de chantagem, me foi oferecida ajuda para campanha de 2006. Recebi o dinheiro e coloquei nas minhas vestimentas em razão da minha segurança porque não uso pasta", disse.

0 Opinaram:

Postar um comentário