Amigo que apoia José Serra a pedido de FHC

| |

O ex-governador do Distrito Federal Joaquim Roriz (PSC) foi condenado na tarde de ontem por improbidade administrativa, acusado de usar um helicóptero do governo para ir à sua residência e à sua fazenda mesmo depois de deixar o cargo, no primeiro semestre de 2006. Apontado como um dos líderes na preferência do eleitor para ganhar as eleições para o Governo de Brasília, Roriz foi, segundo o delator da Operação Caixa de Pandora, Durval Barbosa, a pessoa quem o autorizou a continuar um esquema de corrupção para favorecer José Roberto Arruda (ex-DEM). A sentença da 8ª Vara de Fazenda Pública de Brasília, condena Roriz e a ex-governadora Maria de Lourdes Abadia (PSDB) a pagarem, solidariamente, as despesas com os deslocamentos que tiveram origem e destino na residência particular do ex-governador, em Brasília, e na fazenda dele em Luziânia (GO), a 70km da capital.

0 Opinaram:

Postar um comentário